Naturopatia, A Cura pela Natureza

A palavra Physician, médico em inglês, vem do grego physis que significa natureza.

O vigor e a saúde da Dora, minha miniatura schnauzer de um ano e meio, são notáveis.

As pessoas me param na rua perguntando por que o pelo dela é tão brilhante, e os dentes são tão branquinhos, alguns notam até a sua alegria de viver… E eu digo que está aí o sentido de tudo o que faço por ela. Ela emana alegria.

Eu tenho certeza de que a Dora é feliz.

Tanto é que vem ocorrendo aqui na minha vizinhança um fenômeno, que chamo de “fenômeno Dora”, meus vizinhos todos trocaram a dieta de seus peludos.

Ontem mesmo estava a papear e dividir conhecimento com uma de minhas vizinhas, porque ela está colocando seus gatos na dieta natural. Imagine a minha satisfação!

Só que junto com essa mudança, outros aspectos da saúde de todos esses cachorros também começaram a aflorar e é sobre isso que quero falar com vocês.

Primeiro, preciso explicar algo simples, e fundamental.

Sim, a saúde começa pela boca. Mas não é só isso. O que chamamos de “saúde”, nada mais é do que o resultado de um conjunto de fatores somados à boa alimentação.

E você pode me perguntar, então, quais são esses fatores?

Eles estão no “novo começo”, ou no que deriva das primeiras letras do acrônimo em inglês NEW START (Nutrition – Exercise – Water – Sun – Temperance – Air – Rest – Trust).

Mas, vamos fazer uma viagem nas palavras, assim te conto mais.

Quando decidi investigar o câncer que acometeu e, infelizmente, levou tão cedo minha amada Lola, outra barbudinha, muitos indícios me jogaram em uma direção: a dieta natural.

Naturopatia

NaturopatiaMotivada por estudar Nutrição Animal, procurei algumas escolas e descobri no American Council of Naturopathy o curso que mais me chamava ao coração.

Resolvi entrar de cabeça e fui investigar por onde começar.

Lá, conheci as doutoras Jeanne e Kim, duas pessoas muito especiais para mim, que me abriram um mundo de possibilidades.

Dra. Jeanne, sabendo de minha trajetória com a Lola e agora com a Dora propôs que eu estudasse Naturopatia Animal antes de entrar de cabeça na Nutrição. Foi a melhor coisa que fiz. Sábio conselho.

Naturopatia é, em poucas palavras, a cura pela Natureza.

A homeopatia, a osteopatia, a leitura da íris, o uso de óleos essenciais e ervas, a massagem, a medicina oriental… Tudo isso prega a cura pela Natureza.

Quer saber um segredo?

A cura está dentro da gente.

Mesmo os métodos alopáticos (que usam drogas para atacar algum sintoma), mesmo esses, provocam a cura de dentro para fora.

Pois, atacando (alopatia) ou fortalecendo (naturopatia), o corpo está recebendo estímulo para promover a cura.

Daí eu te pergunto: você quer promover a cura ou a saúde?

Uma pequena observação aqui, ainda estamos falando de animais. Somos animais também, lembra? Portanto, serve para a gente!

Não é maravilhoso?

A meu ver, a medicina moderna tem que caminhar de mãos dadas com os métodos naturais. Sei que em algumas situações, a depender da enfermidade a que determinado organismo (ser) está acometido, seja por má conduta, seja por má sorte, um plano de ação precisa ser traçado.

Se esse ser está à beira da morte e a dor lhe é insuportável, a sua natureza está no comando e, claro, que é louvável o uso de medicamentos para ajudar esta alma.

O que não é louvável é o exagero. Uma febre leve e lá vai o comprimido para dentro, impedindo o corpo de usar suas defesas naturais.

Então, que fique claro, não vamos defender isso ou aquilo. Mas vamos falar das possibilidades da cura pela Natureza, sempre que a nossa Natureza permitir. Combinado?

Pois bem. A Naturopatia prega o equilíbrio, o balanço, o corpo funcionando em harmonia. A Naturopatia prega a manutenção do bem estar, a promoção da saúde, a prevenção.

Vou te dar um exemplo simples. Você limpa a sua casa regularmente, certo? De tempos em tempos entra aquela poeira, ou o cachorro pisa lá fora e entra com a pata de barro sujando tudo de novo.

Vira uma bagunça. Você se organiza e limpa novamente. Assim a mantém em ordem, em harmonia.

O corpo, como a casa, também vai se equilibrando. Ele recebe estímulos externos e internos, e está em constante movimento. Dentro da gente, dos nossos bichos, nada para! E você sabe qual é a maior atividade do organismo?

A digestão. A digestão requer muito esforço, e não é à toa que aquela frase lá do comecinho “a saúde começa pela boca” agora faz todo o sentido.

É preciso cuidar do que se come para manter a “casa” em ordem.

É preciso NUTRIR e não apenas COMER.

naturo1Comer enche o bucho, desanima, cansa. Nutrir promove a saúde, anima, traz bem estar.

A Nutrição é, portanto, a base da saúde de todos os seres vivos. Ela é a primeira lei da saúde. Seguida pelas outras, a saber: o exercício, a hidratação, o sol, o ar, a moderação, o descanso e a fé.

Como o nome já diz, são leis e, como tais, precisam ser obedecidas. Um deslize sequer e pronto, todo o organismo se desequilibra e aquela poeira invade a casa.

Em tempos modernos como é possível seguir todas as leis?

Com tantos afazeres e a correria do dia a dia. Oh! Tão difícil encontrar equilíbrio para a gente, que dirá para nossos animais de estimação!

Ah é!? Então, se vira. Você está vivo e a sua obrigação é manter a sua casa em ordem.

Está vendo lá a palavra moderação? Ela não está ali à toa.

Nem tanto ao céu, nem tanto ao mar. Pondere. Mas nunca deixe de buscar a sua paz interior, o seu vigor.

Não deu tempo de cozinhar nada “saudável”? Já sei, você acredita que tem que “cozinhar” para virar comida. Leia: maçã, banana, cenoura, pepino, manjericão, rúcula, nozes, castanha, leite… Tudo isso é comida. E o melhor, não precisam de super aquecimento (o que aliás, modifica suas propriedades nutricionais) para virarem alimento.

Entendeu onde quero chegar?

A Naturopatia me ensinou que comer bem é fundamental, mas também me ensinou que de nada adianta eu comer maravilhosamente bem se continuar não obedecendo as outras leis da saúde.

Então, o que eu vejo aqui na minha vizinhança é um movimento maior e muito bonito de se observar. As pessoas estão começando a mudar também os seus hábitos.

Muitos cães passaram por um processo natural de desintoxicação, pois o corpo, recebendo o alimento adequado, começou um processo de limpeza, o que é comum e louvável.

Alguns cães lacrimejaram por um tempo, outros tiveram suas glândulas anais cheias, outros apresentaram diarreia (outra válvula de limpeza do organismo!). Os donos se assustaram no início, mas com paciência e uma dose de confiança, conseguiram esperar até o completo reestabelecimento.

Um desses cães sofreu uma luxação brincando com outro amigo durante a fase de introdução da dieta natural. Um fator externo, certo?

Veja que lindo. Ele não colocava mais a pata no chão. O dono deu à ele alguns medicamentos naturais, e eu bolei uma dieta mais rica em colágeno, cálcio, fósforo e enxofre. Em uma semana a patinha já encostava, em um mês ele estava zerado. O veterinário virou meu amigo!

Não é milagre! Não é a Fabíola! Tampouco o dono.

É a Natureza!

Nós somos apenas instrumentos dessa grande Natureza e todas as nossas ações influenciam na harmonia do TODO. A limpeza (desintoxicação) da casa é necessária, assim como a paciência.

Nós somos bombardeados por fatores externos, desde poluição até pensamentos, que nos desequilibram. Nossos bichos sofrem com o uso excessivo de medicações à base de mercúrio, como vacinas e até alimentos (li recentemente que a oferta de atum deve ser limitada para crianças com menos de um ano de idade).

Eles sofrem também por nosso estilo de vida, muitas vezes sedentário, e sofrem com comidas industrializadas de baixa qualidade.

Isso é muito triste. Mas a gente pode e deve mudar esse cenário. Por eles! Por nós! Com calma e perseverança.

Reflita nas mudanças que quer adotar para a sua vida. Inclua os seus amados nos seus planos. Olhe para o seu cão e gato com os olhos da alma, e veja neles, a sua verdadeira Natureza. Permita que corram, que brinquem, que comam, que sejam eles mesmos!

Aprenda com eles! E pratique, sempre que possível, as leis da saúde que eu divido porque te quero bem.

Vamos nessa juntos?

Naturopatia, A Cura pela Natureza
4.7 (94.55%) 11 votes

  • testando comentarios

  • Thais Lopes

    Olá. Tenho um gato que foi descoberto uma pancreatite. Estou buscando um tratamento natural para ele….